Autor Tópico: Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo  (Lida 401 vezes)

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.143
    • Ver perfil
Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo
« Online: 21 Março 2019 às 15:59:08 »
"Neste contexto o banco Morgan Stanley divulgou há poucos dias o seu relatório anual sobre a indústria relojoeira. Para já o banco constata uma polarização entre as marcas suíças. Segundo ele sete marcas ultrapassaram os mil milhões de francos suíços de volume de negócios em 2018. A liderar surge a Rolex com vendas estimadas de 5,4 mil milhões de francos, seguida da Omega (grupo Swatch) com 2,34 mil milhões de francos e da Longines (grupo Swatch) com 1,65 mil milhões. Nas posições seguintes surgem Cartier, Patek Philippe, Tissot e Audemars Piguet. O Morgan Stanley fala de «polarização» da indústria: dá o exemplo do grupo Swatch onde o forte crescimento da Omega e da Longines (que geraram 70% dos lucros operacionais) contrastou com o desempenho igual ou inferior face a 2017 das outras marcas. Ou seja, os próprios grupos vão ter de começar a olhar para as suas marcas. E, com isso, vem a estratégia face a eventos caros, como a presença em feiras."

http://espiraldotempo.com/2019/03/20/ponto-de-vista-baselworld-2019-os-tempos-estao-a-mudar/

Offline BigPaul

  • Membro hiperativo
  • ***
  • Mensagens: 195
    • Ver perfil
Re:Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo
« Resposta #1 Online: 21 Março 2019 às 16:28:00 »
Pelo que eu entendi o custo deve ser altissimo para as industrias relojoeiras participarem ja que muitos negócios eram feitos na feira e isso esta começando a declinar, tem o fato que muitas pessoas estão caindo na moda dos smart watches e mesmo quem é da classe A,  pelo menos aqui no Brasil é quase inexistente ver pessoas usando relogios de grife, ja no exterior eu ja noto uma diferença astronomica, nos EUA é comum notar Rolexes, Omegas, Breitlings no pulso de muita gente e Europa a mesma coisa, em Honk Kong a Rolex eu acho que domina totalmente, cheguei ao ponto de ver 4 lojas Rolex num espaço de 2 quarteirões, loucura, HK ela deve ter um dos maiores mercados e se nao for o maior, posso estar enganado mas se os smart watch está tendo uma certa influência no costume e mudança de habito isso eu achonque é inegável. Eu mesmo ja penso em comprar um Apple watch

Enviado de meu SM-N950F usando o Tapatalk


Offline Dicbetts

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.968
    • Ver perfil
Re:Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo
« Resposta #2 Online: 21 Março 2019 às 17:02:30 »

http://espiraldotempo.com/2019/03/20/ponto-de-vista-baselworld-2019-os-tempos-estao-a-mudar/


Tudo blablabla. Que os tempos "estão a mudar", o Conselheiro Acácio (para ficarmos em Portugal) concordaria efusivamente.

Eventos como esses não são somente negócios; são também culturais. Quando o negócio vai mal, a cultura perde.

E para uma feira com pouco (ou nenhum) interesse na cultura, estranho seria se tudo estivesse bem.

Dic




Offline Jefferson

  • Membro hiperativo
  • ***
  • Mensagens: 194
    • Ver perfil
Re:Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo
« Resposta #3 Online: 24 Março 2019 às 22:32:17 »
Embora ainda não tenha lido o artigo, acho que o simples argumento do elevado custo das feiras, não se sustenta. As feiras nos diversos segmentos das industrias é uma tradição consagrada e uma realidade que vem se mantendo apesar de todas as dificuldades econômicas e culturais. E eu acho que talvez a grande dificuldade de se adaptar as rápidas mudanças do mercado, seja a grande dificuldade da industria relojoeira suíça, que é conservadora e tradicionalista por essência.

Muito longe de aderir aos famigerados smart watches ou substituir o primoroso trabalho artesanal e manual da belíssima relojoaria mecânica por máquinas, a industria de relógios suíços precisa mudar e se adaptar aos novos tempos.

Alguém falou que nunca vamos conseguir resultados diferentes, se continuarmos fazendo as coisas sempre do mesmo jeito.

Espero que as grandes feiras de relojoaria sobrevivam e prosperem...

Offline BigPaul

  • Membro hiperativo
  • ***
  • Mensagens: 195
    • Ver perfil
Re:Feiras de relojoaria: um ponto de vista na Espiral do Tempo
« Resposta #4 Online: 25 Março 2019 às 11:33:50 »
Concordo Jeferson, boa colocação

Enviado de meu SM-N950F usando o Tapatalk