Autor Tópico: Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura  (Lida 547 vezes)

Offline flavio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.970
    • Ver perfil
    • Relógios Mecânicos
Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Online: 13 Abril 2018 às 16:08:34 »
Como devem saber, lá é um dos maiores mercados de relógios de luxo do mundo e, reza a lenda, isso ocorre pelos altíssimos preços dos, também pequenos, imóveis. Ou seja, o cara que tem sucesso não pode ter uma casa para mostrar, muito menos um carro, pois lá a circulação é limitada. Então tome relógio de patrão! Imaginem só... Se os gringos fizeram uma reportagem nesse nível, é porque acham isso não usual. Agora transportem-se para o Brasil, onde até mesmo dentro de um carro blindado te tentam roubar...


https://www.deployant.com/spot-the-watch-the-everyday-watch-patek-and-rolex-on-singapore-public-transport-revised/
« Última modificação: 13 Abril 2018 às 16:47:14 por flavio »

Offline Dicbetts

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.859
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #1 Online: 13 Abril 2018 às 16:28:33 »
Meu irmão esteve, a trabalho, quatro anos atrás, em Cingapura.

É rica, limpa e repleta de regras de convivência, a ponto de o cara que joga bituca de cigarro na rua ser dedurado e multado por guarda da esquina. Paga na hora e ainda toma esporro.

Para quem gosta de relógios e eletrônicos, áudio e vídeo incluídos, é o paraíso. As grandes marcas têm lojas na beira da calçada.

Ficou hospedado perto da Orchard Road, verdadeira humilhação aos xavantes e guaranis.

Dic

Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.108
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #2 Online: 13 Abril 2018 às 16:48:39 »
Aqui no Brasil, nunca se pode confiar que o bandido é inteligente. Não é. Bandido é burro. Bandido não tem estudo. Bandido só conhece a linguagem da força.

Se eu, que há mais de 18 anos curto e estudo relógios, sempre estou vendo vitrine, acompanhando lançamentos etc., não consigo dizer se o Rolex do engravatado ao meu lado no elevador é ou não original, imagina se um bandido te vendo no ônibus ou metrô vai saber a diferença... é lógico que não vai! Aí, na dúvida, o cara te mete logo o trabuco na cara e leva não só o relógio -- para conferir depois -- como leva também carteira, celular, óculos, boné, tênis e o que mais tiver dando sopa.

Então, e isso já foi falado aqui antes, quem usa falsificação é duplamente estúpido: uma porque está querendo se passar por algo que não é; e duas porque se expõe aos mesmos perigos de quem usa o modelo original, e, independente do montante de prejuízo, ter um cano apontado pra sua cara não é uma sensação agradável...
« Última modificação: 13 Abril 2018 às 16:53:53 por TUZ40 »
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline LucianoOliveira79

  • Membro confirmado
  • *
  • Mensagens: 29
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #3 Online: 13 Abril 2018 às 18:25:19 »
Poucas fotos, esperava mais da reportagem, sem falar que ainda pode se tratar de falsificação (não digo todos, é claro), nada muito diferente de algumas grandes cidades do mundo.

Offline automatic for the people

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.374
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #4 Online: 13 Abril 2018 às 21:30:55 »
Muito interessante a matéria.

Offline Arrais

  • Membro Sênior
  • ****
  • Mensagens: 479
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #5 Online: 14 Abril 2018 às 09:39:04 »
Estive em Singapura. Cidade das mais seguras do mundo, imensa porcentagem de milionários, limpeza e organização muito grande. Pelo que vi por lá, normal a galera usar super relógios nas ruas.  Claro que pra quem vive no Brasil ou mesmo em cidade europeias, é difícil imaginar se arriscar no metro com um relógio melhor....


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Easily satisfied with the best

Offline Dicbetts

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.859
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #6 Online: 14 Abril 2018 às 10:03:03 »
Poucas fotos, esperava mais da reportagem, sem falar que ainda pode se tratar de falsificação (não digo todos, é claro), nada muito diferente de algumas grandes cidades do mundo.

Concordo que nem chega a ser uma reportagem, e sim uns poucos flagrantes no transporte público.

Mas, com o poder aquisitivo do país e a disponibilidade de marcas, falsificação seria um contrassenso.

Além disso, com a aplicação e o cumprimento das duríssimas leis locais (pelo que sei), não creio que os criminosos tenham estímulo.

Dic

Offline MRodio

  • Membro hiperativo
  • ***
  • Mensagens: 100
    • Ver perfil
Re:Flagrantes de relógios no transporte público de Singapura
« Resposta #7 Online: 14 Abril 2018 às 11:18:43 »
Eu lembro de ter visto um documentário sobre o luxo de Singapura, é impressionante.
Vi também sobre essa empresa de investimento em relógios de luxo, Watch Fund. 250 mil dólares para entrar no grupo e participar das compras/vendas e nos lucros.

https://mobile.nytimes.com/2015/09/08/fashion/the-watch-fund-trading-in-passion.html