Autor Tópico: O futuro do relógio de pulso  (Lida 1090 vezes)

Offline Abrantes

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 766
    • Ver perfil
O futuro do relógio de pulso
« Online: 13 Novembro 2019 às 13:05:09 »
Existem umas teorias circulando nos fóruns internacionais de que o mercado para relógios analógicos vai comportar somente relógios que custem no mínimo US$ 500,00, os mais baratos serão exterminados.

A ideia por traz desta teoria é justamente o crescimento do uso de smartwatches e a  redução no custo de produção.

Brevemente teremos inúmeros modelos conectados ao celular sendo vendidos em qualquer barraquinha de camelôs e ao que tudo indica <todo mundo> vai  preferir comprar um relógio destes.

Seria uma espécie de segunda crise do quartzo,...mas enfim.


Fiquei curioso com este tema depois que eu comprei um Amazfit GTR e detestei,...dai comecei a observar o relógio das pessoas no trabalho, no metrô, etc...e estou contabilizando um aumento absurdo do uso destes equipamentos.


Qual a opinião de vocês sobre isso?




Enviado de meu SM-A750G usando o Tapatalk


Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.660
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #1 Online: 13 Novembro 2019 às 14:22:31 »
O lado ruim dos smartwatches é que praticamente todos têm aspecto esportivo/grosseiro, então não ficam bem em roupas/ocasiões sociais. Tirando isso, realmente não faz mais sentido ter um "dumb"watch se há um smartwatch praticamente no mesmo preço. É o mesmo raciocínio dos smartphones vs. dumbphones.
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.494
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #2 Online: 13 Novembro 2019 às 15:17:35 »
Em compensação há esse segmento de smart watches que são pulseiras, como os da Xiomi, que passam despercebidos com qualquer outfit. Até eu já pensei em comprar um da Xiaomi.


FLávio

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.165
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #3 Online: 13 Novembro 2019 às 15:28:02 »
pow Flavin... custa menos que uma garrafa de vinho que você costuma pedir em restaurante.

Compre uma Mi Band 4, se não gostar é só presentear alguém, 150 reais.  ;D
"All your base are belong to us"

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.165
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #4 Online: 13 Novembro 2019 às 15:30:02 »
Também acho que o mercado não tem lugar para relógios no mesmo valor de um smartwatch. Creio que 80% das pessoas que convivo utilizam um, 10% não usam nada e os outros 10% tem algo de pilha ou mecânico no pulso.
"All your base are belong to us"

Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.660
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #5 Online: 13 Novembro 2019 às 15:35:16 »
Em compensação há esse segmento de smart watches que são pulseiras, como os da Xiomi, que passam despercebidos com qualquer outfit. Até eu já pensei em comprar um da Xiaomi.

Sim, passa super despercebida uma pulseira de borracha preta tosca com um terno em uma ocasião formal...
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline Desotti

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.979
  • SAY HELLO TO MY LITTLE FRIEND...
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #6 Online: 13 Novembro 2019 às 16:49:18 »
Uma Smartband é legal porque não inviabiliza o uso do relógio, uso no braço direito e fica confortável inclusive com o display virado para o pulso, quando fica ainda mais discreta caso se queira usar ao mesmo tempo um relógio no pulso esquerdo.

Quanto à outra parte da discussão, eu sinceramente acho cedo para afirmar qualquer coisa. Tomo por exemplo meu recém-adquirido Seiko Arnie, que é pouca coisa mais caro que um Apple Watch e está vendendo como pão quente nos EUA.

Enfim, curto a Smartband porque não exclui o uso concomitante de um relógio e, por enquanto, não me vejo usando um Smartwatch no lugar de um relógio "normal".

Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.660
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #7 Online: 13 Novembro 2019 às 16:58:25 »
(...) Tomo por exemplo meu recém-adquirido Seiko Arnie, que (...) está vendendo como pão quente nos EUA.

Como tudo na vida, número de vendas são relativos.

Eu não sei como a reedição do "Arnie" está vendendo, pois não tenho números; pode ser muito em relação às tradicionais casas suíças de relógios mecânicos mas deve ser migalha frente aos números dos smart-devices (relógios e pulseiras).

Só a Apple, no Q2 de 2019 (veja bem, TRÊS MESES), vendeu 5,7 MILHÕES de smartwatches! Agora, imagina colocar neste comboio Xiaomi, Huawei, Samsung, etc...
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.165
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #8 Online: 13 Novembro 2019 às 17:44:29 »
hahahahaha... exatamente.

Estamos falando de casas de milhares contra casas de milhões.  ;D
"All your base are belong to us"

Offline Desotti

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.979
  • SAY HELLO TO MY LITTLE FRIEND...
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #9 Online: 13 Novembro 2019 às 18:18:38 »
No caso do Arnie, vende o que chega nas lojas. De resto concordo em parte com vocês, impossível negar o apelo dos Smartwatches, mas mesmo vendo Apple Watches aos montes em pulsos por aí, ainda há quem prefira G-Shocks por exemplo, pois a Casio também continua a vender aos milhões, inclusive modelos que rivalizam em preço com qualquer Smartwatch.

Fazendo um paralelo, até o Vinil voltou e está vendendo muito bem, mesmo em tempos de Spotify e Tidal, ou seja, quase tudo é cíclico na vida, não são apenas os números de vendas do momento que irão sacramentar o futuro. ;)

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.494
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #10 Online: 13 Novembro 2019 às 18:25:00 »
Não precisa ir longe, minha esposa roubou meu rolex Explorer e, depois que comprou um Iwatch, o troço foi parar numa gaveta, só usa hoje em balada e olhe lá.

Enviado de meu ASUS_Z01KD usando o Tapatalk


Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.660
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #11 Online: 13 Novembro 2019 às 20:06:30 »
No caso do Arnie, vende o que chega nas lojas. De resto concordo em parte com vocês, impossível negar o apelo dos Smartwatches, mas mesmo vendo Apple Watches aos montes em pulsos por aí, ainda há quem prefira G-Shocks por exemplo, pois a Casio também continua a vender aos milhões, inclusive modelos que rivalizam em preço com qualquer Smartwatch.

Fazendo um paralelo, até o Vinil voltou e está vendendo muito bem, mesmo em tempos de Spotify e Tidal, ou seja, quase tudo é cíclico na vida, não são apenas os números de vendas do momento que irão sacramentar o futuro. ;)

Chegam às lojas o que vende. Se fabricassem aos milhões, como os smartwatches, encalhariam.

No mais, a exceção não é a regra. Vinil está vendendo bem mas é nicho do nicho. No tempo que se consome uma música em vinil, consome-se milhões de músicas nos streamings da vida.

Ninguém está decretando a extinção completa e sumária dos relógios baratos, e sim fazendo notar que já é realidade que os mesmos vêm sendo substituídos pelos smartwatches.

Ser saudosista e se apegar ao tradicional para si é uma coisa, ser míope é bem diferente.
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline Desotti

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.979
  • SAY HELLO TO MY LITTLE FRIEND...
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #12 Online: 13 Novembro 2019 às 20:48:11 »
"Míopes" 8) também tem direito a opinar (assim como donos da verdade), até porque não discordei diretamente na questão do possível "dominio" dos Smartwatches ante relógios baratos.

No mais, quando (e se) a Casio falir :D volto a falar no assunto. ;)

Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.660
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #13 Online: 13 Novembro 2019 às 21:10:30 »
Deve ser por isso que os fóruns estão acabando. Qualquer argumentação vira motivo para o vitimismo do "tenho direito de opinar", como se alguém, em algum momento, tivesse lhe tolhido esse "direito"...
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline Desotti

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.979
  • SAY HELLO TO MY LITTLE FRIEND...
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #14 Online: 13 Novembro 2019 às 21:19:06 »
O mestre das ironias não reconhecendo um "irony mode on"... definitivamente esse espaço não é mais o mesmo. ;D

Offline Desotti

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.979
  • SAY HELLO TO MY LITTLE FRIEND...
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #15 Online: 13 Novembro 2019 às 21:21:13 »
Ah, e você me conhece já ha um tempinho, vitimismo não é minha praia, nem falta de educação.

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.151
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #16 Online: 13 Novembro 2019 às 21:38:46 »
Sim, passa super despercebida uma pulseira de borracha preta tosca com um terno em uma ocasião formal...

Igor, eu te adoro cara, nada + direto que isso.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.151
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #17 Online: 13 Novembro 2019 às 21:56:08 »
O mestre das ironias não reconhecendo um "irony mode on"... definitivamente esse espaço não é mais o mesmo. ;D

Isso a muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiitos anos.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline Spotter

  • Membro ativo
  • **
  • Mensagens: 65
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #18 Online: 14 Novembro 2019 às 07:16:43 »
Tem que levar em conta também que os smartwaches duram "bem menos" que um relógio comum de baixo custo... Meu apple watch série 1 por exemplo, a bateria não dura meio dia...

Offline helio

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 708
    • Ver perfil
Re:O futuro do relógio de pulso
« Resposta #19 Online: 14 Novembro 2019 às 07:49:19 »
O futuro são smartwatches, como os quartzs já foram um dia, pena que viciam e geram uma falsa dependência. Quanto a durabilidade são muito ruins, algumas empresas como a Samsung se negam a prestar manutenção paga em seus próprios produtos se adquiridos no exterior, acelerando ainda mais seu sucateamento (e como os sensores dela apresentam problemas com certa recorrência, a geração antiga tende a oxidar a placa dos senadores e a nova a desabilitar o barômetro). Acho que o futuro dos mecânicos será algo como o elegante fecho criado pela Sony e comercializado na Inglaterra, com uma pequena tela que possua comunicação, pena ser cara pelo pouco de interatividade que oferece; outra seria colocar um apêndice com tela nos braceletes, algo parecido com os GMTs da Breitling dos anos 90. 
Mas isso não é novidade, quando entrei no fórum já falávamos que a tendência era virar nicho, perder o sentindo utilidade e virar jóia, algo muito bem percebido por algumas marcas que cobram muito caro por coisas relativamente simples :'(.
()s

P.s.-https://canaltech.com.br/smartwatch/pulseira-wena-da-sony-transforma-relogios-comuns-em-smartwatches-132985/
« Última modificação: 14 Novembro 2019 às 07:53:05 por helio »