Autor Tópico: Tudor no Brasil - difícil de encontrar  (Lida 2310 vezes)

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.068
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #20 Online: 13 Setembro 2018 às 09:05:41 »
Eu particularmente não acho os calibres minimamente comparáveis. Se isso tiver que contar, para o ETA teria que contar também o fato de que ele vem da mesma casa dos Omega in-house. Ou mais precisamente, o contrário.

Abs.,

Adriano

Online João de Deus

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 710
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #21 Online: 13 Setembro 2018 às 09:16:39 »
Tenho um Tudor Heritage Advisor com ETA 2892 e não trocaria por algum modelo com movimento Tudor.
João
João

Offline Doutor Isnobson

  • Membro confirmado
  • *
  • Mensagens: 22
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #22 Online: 13 Setembro 2018 às 09:34:39 »
In bouse recem fabricado é tiro no escuro mesmo prefiro o Workhorse consagrado e inquebrável como os eta 2824 ou cal 1570 da enrolex

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.001
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #23 Online: 13 Setembro 2018 às 09:39:02 »
Um dos motivos pela qual a Rolex ate hoje se utiza dos seus calibres antigos, confiança.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline Enéias

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 3.622
  • "O tempo vence a vida." (etb)
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #24 Online: 13 Setembro 2018 às 10:06:38 »
Um dos motivos pela qual a Rolex ate hoje se utiza dos seus calibres antigos, confiança.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Neste caso o Tudor com movimento ETA é muito mais confiável?
"O que me preocupa não é nem o grito dos corruptos, dos violentos, dos desonestos, dos sem caráter, dos sem ética... O que me preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

Um forte abraço!

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.001
    • Ver perfil
Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #25 Online: 13 Setembro 2018 às 10:10:02 »
Eu acredito que sejam + TESTADOS, e confiaveis, porem nada que os novos inhouse nao se tornem no futuro.
Os novos calibres da Rolex os 32XX estao entrando agora, porem bem devagar.




5000 posts chegando

Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 4.988
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #26 Online: 13 Setembro 2018 às 13:52:21 »
Eu não compraria NUNCA esses Tudors com ETA nos dias de hoje, se é que ainda existem muitos. O relógio não aumentou nem 200 dólares e é sim um produto superior ao utilizado anteriormente, independente de qualquer fato alegado aqui.
"All your base are belong to us"

Offline Cosentino

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.079
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #27 Online: 13 Setembro 2018 às 13:59:39 »
Essa discussão de ETA ou In House tem uma série de prerrogativas, principalmente questões de manutenção, peças de reposição, etc.
Vale a pena dar uma olhada.
Abs
https://forums.watchuseek.com/f2/tudor-eta-house-3829170.html

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.068
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #28 Online: 13 Setembro 2018 às 14:01:50 »
Eu não compraria NUNCA esses Tudors com ETA nos dias de hoje, se é que ainda existem muitos. O relógio não aumentou nem 200 dólares e é sim um produto superior ao utilizado anteriormente, independente de qualquer fato alegado aqui.

Quanto ódio.

Abs.,

Adriano

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.001
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #29 Online: 13 Setembro 2018 às 14:02:27 »
Eu não compraria NUNCA esses Tudors com ETA nos dias de hoje, se é que ainda existem muitos. O relógio não aumentou nem 200 dólares e é sim um produto superior ao utilizado anteriormente, independente de qualquer fato alegado aqui.

Nem eu, sempre optaria pela ultima modificação ou calibre.
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 4.988
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #30 Online: 13 Setembro 2018 às 14:02:38 »
Acho que aí a preocupação é outra e tem um viés financeiro.

O calibre tem um resistência maior a interferências que podem afetar seu funcionamento, tem reserva maior, tem um projeto, supostamente, mais moderno e foi feito em casa, isso é, pela Rolex.

Pode se até falar que da para melhorar o eta empregado, como o grupo swatch tem feito em alguns produtos, mas isso não muda o calibre que já existe lá dentro do relógio.
"All your base are belong to us"

Offline Cosentino

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.079
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #31 Online: 13 Setembro 2018 às 14:20:30 »

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.068
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #32 Online: 13 Setembro 2018 às 14:27:51 »
Não Arthur, você está enganado sobre mim. Não estou tentando justificar o ETA porque ele sai mais barato no mercado de usados, ou porque eu estou tentando me dar bem e salvar uns cruzeiros de for comprar um Black Bay. Mas obrigado pela preocupação em tentar ler nas minhas entrelinhas.

Você já foi mais legal comigo.  ;D

Abs.,

Adriano

Offline Cosentino

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.079
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #33 Online: 13 Setembro 2018 às 14:34:11 »
Acho que aí a preocupação é outra e tem um viés financeiro.

O calibre tem um resistência maior a interferências que podem afetar seu funcionamento, tem reserva maior, tem um projeto, supostamente, mais moderno e foi feito em casa, isso é, pela Rolex.

Pode se até falar que da para melhorar o eta empregado, como o grupo swatch tem feito em alguns produtos, mas isso não muda o calibre que já existe lá dentro do relógio.
Com certeza financeiro, já que tratando-se de Rolex um relógio de US$ 3.600 terá revisões no valor de quanto? Peças de um calibre novo não vão estar disponíveis para o mercado de forma corriqueira. Se for só a revisão, pode-se fazer em qualquer relojoeiro bom, mas se tiver que trocar peças, o movimento anterior tem suas vantagens.
Tenho os dois base eta o Pelagos e o BB ambos extremamente precisos, e bem robustos.

Offline igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.212
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #34 Online: 13 Setembro 2018 às 14:36:02 »
Não foi isso que eu entendi pela leitura da mensagem do Arthur (sem viés dele ser meu irmão).

O que eu entendi que ele quis dizer foi que o BB com ETA pode ser vantajoso pelo lado de economia, isto é, de ser mais fácil de encontrar técnicos preparados, encontrar peças, etc., mas que, olhando pela qualidade do produto em si, o objeto "estático no tempo", se assim podemos dizer, o BB com máquina in-house é melhor do que o anterior.

---

Não estou dizendo que concordo com essa afirmação, e sim que foi isso que eu entendi das palavras dele.
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline TUZ40

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 4.988
  • FDP Audacioso
    • Ver perfil
    • NÃO CLIQUE!
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #35 Online: 13 Setembro 2018 às 14:49:56 »
O Igor entendeu a minha colocação perfeitamente.
"All your base are belong to us"

Offline flavio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 9.098
    • Ver perfil
    • Relógios Mecânicos
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #36 Online: 13 Setembro 2018 às 14:50:38 »
Pois minha visão da coisa é a seguinte: TEORICAMENTE o novo movimento é sim melhor. Não vou aqui entrar nos méritos do 2824, porque adoro o movimento, aliás, o acho muito foda, mesmo com sua reduzida (e irritante no uso não contínuo) reserva de marcha. Estou falando do "original", não essas modificações ETA de 80 horas que Mido, Tissot, etc estão usando. Enfim... A questão aí, como disse o Adriano, pelo menos pelo que entendi, diz respeito ao projeto ser recente. Podem dizer que a Rolex é isso, que a Rolex é aquilo, patati patatá, que testou o troço cinco anos mas... Pô, se até BMW top de linha sofre recall por causa de erros de projeto não previstos pelo fabricante, o que dizer de uma fábrica de relógios? O problema aí, então, é comprar não um relógio que CERTAMENTE é melhor pelas especificações técnicas, mas que ainda está na sua infância, não foi colocado a prova. E o Adriano está dentro do sistema e, por questões morais, sequer pode dizer o que vê nas oficinas, mas as merdas ocorrem. Aliás, as empresas de relojoaria são de uma DESFAÇATEZ sem tamanho sobre isso, deixando o consumidor a ver navios e, em alguns casos, cobrando por revisões quando o relógio quebra, ainda que fora da garantia, por culpa sua. Ou alguém aqui vai me convencer que a mola dos calibres 8500 da Omega quebra por mal uso? Ou que o lixo dos primeiros sistemas de carga dos calibres Audemars Piguet, sim Audemars, ocorria por falta de lubrificação? Não precisa ir longe, hoje é fácil ter acesso aos manuais técnicos da Omega, para citar um exemplo, e, conquanto a marca deixe a desejar em comunicar OS CONSUMIDORES, pelo menos explica tintim por tintim o que está modificando versão a versão nos seus relógios. Outro dia coloquei aqui o calibre 3133 como exemplo, que passou por 4 versões, corrigindo um MONTE de falhas de projeto em alavancas que se quebravam, molas que estouravam, etc. Vocês acham que a Rolex foi ungida pelos Deuses e não tem defeitos? Ora, só num grupo do qual participo de zap zap, uns 3 GMT master tiveram o MESMO problema da Omega de quebra de mola do câmbio de horas. Vão me dizer que é mal uso? Pô, não é! E esses calibres estão aí há década!

Em resumo, eu também compraria o Tudor novo, seu movimento é em TUDO que dize respeito a relojoaria melhor do que um ETA 2824 mas... O 2824 está no mercado desde os anos 70 (pelo menos sua gênese), sendo que já mostrou ao que veio. O novo calibre Tudor não... Daqui uns anos conversamos de forma abalizada e definitiva.


Flávio

Offline Vinnie

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 4.316
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #37 Online: 13 Setembro 2018 às 15:02:34 »
Eu mesmo já vendi dois Black Bay, e não sou comerciante.



s2
"You can tell a lot about a person's character by how they treat people they don't have to treat well."

Offline jfestrelabr

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 5.001
    • Ver perfil
Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #38 Online: 13 Setembro 2018 às 15:02:53 »
Deus, precisava escrever isso tudo Maia?

Ps:. Eu tambem fiz outra leitura do post do Artur, ate coloquei que pensava parecido.




Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
« Última modificação: 13 Setembro 2018 às 15:05:24 por jfestrelabr »
Rolex ou Rolex.

Fórum Genérico, respostas genéricas.

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.068
    • Ver perfil
Re:Tudor no Brasil - difícil de encontrar
« Resposta #39 Online: 13 Setembro 2018 às 15:06:02 »
Vale lembrar ainda que eu não disse que o ETA é melhor, ou que o in-house é pior. Pelo contrário, citei os pontos nos quais eu acho que o in-house é melhor. Eu apenas contestei a afirmação de que o in-house seja melhor em tudo. E ainda acho o mecanismo in-house da Tudor, que conheço um pouco, pela Breitling (é exatamente o mesmo), um pouco novo demais para ganhar a minha confiança irrestrita. Coisa que eu aprendi a não ter com NENHUM calibre novo, pois nesses anos aprendi a morder a língua algumas vezes ao elogiar mecanismos novos precipitadamente.

Mas repito, apenas o que penso. Não sejam tão duros comigo.

Abs.,

Adriano