Autor Tópico: Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões  (Lida 1720 vezes)

Offline raulfragoso

  • Membro Sênior
  • ****
  • Mensagens: 385
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #40 Online: 21 Outubro 2019 às 22:10:00 »
...
Não me senti ofendido em nada hora alguma.. quando pago IPVA e IPTU e IR me sinto bem mais ofendido

Bingo.
"It's easy to make something complicated, but much less easy to make it simple." - François-Paul Journe

Offline dr.alexneuro

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.860
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #41 Online: 21 Outubro 2019 às 22:18:24 »
Dr, tudo bem?
O bracelete é “fac-simile” ou tem alguma melhoria construtiva ou técnica?

Os impostos da vida podiam ser opcionais tb...kkkk



Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Tudo joia Flávio!! mesmo número gravado no bracelete e fecho (93150) e diferente no endlinks (501B no novo e 580 no antigo)


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

Offline dr.alexneuro

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.860
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #42 Online: 21 Outubro 2019 às 22:22:59 »
https://www.rolexforums.com/showthread.php?t=286636
aqui tem as diferenças Flávio.. coisas sutis..


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

Offline FPiccinin

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.628
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #43 Online: 21 Outubro 2019 às 22:30:15 »
https://www.rolexforums.com/showthread.php?t=286636
aqui tem as diferenças Flávio.. coisas sutis..


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro
Legal, obrigado.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.267
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #44 Online: 21 Outubro 2019 às 23:56:26 »
Uma das dificuldades do consumidor "moderno" é justamente que preço "ofende", e é confundido com mau atendimento. Você pode oferecer um atendimento impecável no quesito ética, transparência, honestidade e cortesia, mas se o preço sai do orçamento do cliente, automaticamente ele sai dali falando que foi muito mal atendido.

Eu costumo brincar que qualquer dia vou entrar em uma concessionária Lamborghini, perguntar o preço, e quando o vendedor gentilmente me disser algo como 3,5 milhões, vou virar as costas sem me despedir e depois mandar um email para a marca dizendo que o preço é um assalto (expressão comum) e que fui muito mal atendido.

Abs.,

Adriano
« Última modificação: 22 Outubro 2019 às 09:13:24 por Adriano »

Offline Alevian

  • Membro confirmado
  • *
  • Mensagens: 10
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #45 Online: 22 Outubro 2019 às 01:16:35 »
Até certo ponto assimilo a colocação do Adriano.

Uma amiga trabalhou como secretária em uma concessionária Mercedes, na época em que lançaram o Classe A.

Muitos donos de Mercedes normalmente possuem alguns carros. Esses não vão à concessionárias levar para revisão - quem levam é o motorista. Não barganham orçamento prévio. Simplesmente são informados do valor a pagar e pagam.

O pessoal que comprava Classe A era de um outro perfil. Pessoas que tinham um só carro, faziam banzé quando recebiam a informação de que o carro precisava ficar por alguns dias na oficina, reclamavam do valor cobrado... Verdade que o carro também não ajudava...

No entanto, fora desse seleto consumidor de luxo, talvez de maneira geral consumidores consideram como fatores de qualidade os valores apresentados e o atendimento. Sim, preço é fator de qualidade!  Para o bem e para o mal...

Prolixo que sou, recorro a historietas para ilustrar esse ponto.

A primeira ocorreu com meu pai, também no final da vida dele.
Certo dia cheguei em casa, abri a porta da garagem, cheguei perto dele e ele, que sempre me recebia bem, não reagiu.
A TV estava com volume bem alto. Percebi que ele estava "surdo".

Liguei para o médico do home care, e ele disse que poderia ser um AIT (Ataque Isquêmico Transitório)! Ou outro evento, mas como o atendimento não havia sido prestado nas primeiras horas...
Busquei no Google, fiquei preocupado.

O médico foi "transparente"?

Familiares questionaram se não poderia ser cera.
Levamos papai ao Otorrino. Hospital Santa Virgìnia. Atendeu um médico experiente, que em minutos fez meu pai ouvir perfeitamente de novo.
O médico, aparentemente indignado com o comentário do colega, observou.
Por que assustar as pessoas?
Por que não começar pelo mais simples?

Em relação ao serviço das autorizadas, por mais que aqui no fórum a comparação com revisão de automóveis seja rechaçada, nossa ignorância insiste em fazer o paralelo.

No ano passado, tive que trocar discos e pastilhas de um Corolinha 2006. Com pastilhas da concessionária, disco da marca indicada pelo mecânico especializado, gastei R$1086,00. Na concessionária, custaria mais de R$2.000,00.

Por essas e outras, se você buscar carros com entre 5 e 8 anos de uso (para ficarmos no patamar considerado "aceitável" pelo Uber), raramente encontrará todas as revisões feitas em concessionária.

Isso sem contar que, muitas vezes, o mecânico de confiança tem anos a mais de experiência do que o novato da concessionária, se é que também não trabalhou anos em concessionária, como no caso acima relatado.

Penso que a maioria dos que fomentam esse forum já levaram seus carros em concessionárias e nem sempre tiveram a melhor experiência . Pelos relógios que ostentam, imagino que tenham carros compatíveis. Pois se por acaso alguém daqui  usa veículos após o período da garantia, possivelmente concordará comigo e com a maioria dos proprietários de automóveis nessa situação.

Em países em que não vinculam a garantia aos serviços prestados na concessionária, por incrível que pareça, os consumidores costumam levar mais os carros para revisar na rede credenciada. Por quẽ? Simples, não há tanta discrepância no preço!

Voltando ao nosso caso, liguei hoje e na semana passada para duas lojas New Look Time. De fato, previsto, por telefone, nenhum orçamento foi passado. Porém, após ouvir eu relatar sumariamente o histórico do relógio, ambos me deram a esperança de que a máquina pode voltar a funcionar com não mais do que uma revisão simples. Na 24 de maio, orçam na mesma hora. No West Plaza, de um a dois dias para orçar. Não senti que tenha faltado transparência, ética ou coisa que o valha.

Além do atendimento, o consumidor vai verificar Procon, Reclame Aqui, se tem ou não avaliações Google, se e como responde. Se for chato mesmo como eu, vai entrar na JUCESP, ver quem são os sócios da empresa, avaliar perfil no Linkedin...onde moram!

Nesse giro percebi que, além de nada desabonador relativo à citada loja, há um sujeito chamado Tarcísio Thomaz, já mencionado há anos nesse mesmo fórum, que "cuida" das questões do atendimento.

Pois é um conjunto de fatores aproxima ou distancia perfis de consumidores.

Se quem atende não tem domínio técnico, é conveniente que tenha feeling.

Se você ligar no SAC da NGK e o atendente não souber te responder uma pergunta, você fala com o técnico da fábrica. Pelo menos foi o que aconteceu comigo.

No Fleury, quando era realmente um laboratório diferenciado, se você tivesse dúvida sobre um hemograma, falava com Dr. Granado. O atendimento em alto nível, penso eu, envolve também questẽos assim.

Dizem que agora as empresas querem ser "orgânicas". Palavra da moda. Pelo que entendi nada mais é do que ser assertiva no atendimento ao cliente, de forma mais humanizada possível. A que ponto chegamos! Depois de colocarem tantos robôs, de banalizarem os processos,  estão percebendo que deu ruim...

Para o cliente que NÃO É CONSUMIDOR DE LUXO, ouvir que precisará pagar R$2.000,00 por uma revisão de um relógio já é difícil. Se fosse ficar "ZERADO" talvez fosse coisa de se pensar, por ser uma jóia e pelo valor estimativo.

Qualquer valor "a partir de" ou custo adicional,  por mais que em nome da "transparência", da qualidade diferenciada tem potencial para modificar o humor ou, no mínimo, distancia o cliente.

Longe de mim querer usar qualquer argumento de autoridade com um colaborador de honra aqui do fórum, com trajetória brilhante, que vive de compartilhar certo conhecimento, em artigos, palestras, vídeos, além desse espaço. Falo apenas como um consumidor com perfil que talvez não possa ser acolhido em todos os casos pela autorizada da marca, até porque, no momento, a postura é essa. E também como quem passou décadas lidando com fornecedores e consumidores dos mais diversos tipos.

Sei que é difícil, pois eu mesmo estou longe de ser "super fofo". Apelo então para Quintana - o ataque de uma borboleta agrada mais do que todos os beijos de um cavalo.

Boa semana de trabalho e entendimento!
« Última modificação: 22 Outubro 2019 às 01:36:22 por Alevian »

Offline FPiccinin

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.628
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #46 Online: 22 Outubro 2019 às 06:14:48 »
Bom dia,

É preciso escrever tanta coisa para dizer que você quer pagar pouco? kkkkkk





Offline dr.alexneuro

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.860
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #47 Online: 22 Outubro 2019 às 06:48:20 »
Exato.. conforme o Adriano falou a autorizada segue normas de segurança e deve manter um padrão e deve ter seguido isso pra me oferecer opcionalmente um bracelete novo..
Inclusive alguns modelos novos da Rolex estão vindo com cerâmica dentro dos furos do pino pra melhorar o quesito segurança (pelo menos eu acho..) vou procurar fotos e postar

Eu por um acaso comprei.. e o relógio está com o bracelete novo
O velho eu guardei
O bracelete novo eh exatamente igual ao antigo, então não houve nenhuma descaracterização do modelo.. não pelo bracelete
O acrílico por exemplo foi trocado (por questões de segurança tb.. pra manter a garantia de estanqueidade) e o novo difere do antigo e nem por isso me incomodei com descaracterização
Não me senti ofendido em nada hora alguma.. quando pago IPVA e IPTU e IR me sinto bem mais ofendido




Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro
Tubo de cerâmica nos braceletes Rolex feitos em metal precioso
Fonte: tópico do Rolex fórum


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

Offline FredericoFreire

  • Membro confirmado
  • *
  • Mensagens: 21
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #48 Online: 22 Outubro 2019 às 07:54:02 »

Para o cliente que NÃO É CONSUMIDOR DE LUXO, ouvir que precisará pagar R$2.000,00 por uma revisão de um relógio já é difícil. Se fosse ficar "ZERADO" talvez fosse coisa de se pensar, por ser uma jóia e pelo valor estimativo.

Boa semana de trabalho e entendimento!

O cliente não é consumidor de luxo, mas o relógio é de luxo.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk

Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.267
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #49 Online: 22 Outubro 2019 às 09:19:07 »
Minha vida vasculhada com sucesso!  ;D ;D ;D

Adriano


Offline Adriano

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 6.267
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #50 Online: 22 Outubro 2019 às 09:25:12 »

... que vive de compartilhar certo conhecimento, em artigos, palestras, vídeos, além desse espaço.
...

Mas uma parte da sua investigação você fez errado: não vivo disso. Pelo contrário, isso não apenas não dá dinheiro nenhum (como muitas vezes me faz gastar), como frequentemente me dá dores de cabeça e vários chutes no saco, e me pergunto todos os dias por que eu continuo fazendo tudo isso de graça. Não por coincidência, faço cada vez menos. E modéstia a parte, não me leve a mal, mas meu conhecimento, mesmo somente aquele que compartilho, é bem mais do que "certo conhecimento".

Adriano

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.494
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #51 Online: 22 Outubro 2019 às 09:32:10 »
Eu sinceramente concordo com muito que o alevian disse e, como já disse aqui, a minha birra com o atual mercado de assistência técnica sequer é com os preços objetivamente falando, que são absurdamente caros, mas os relógios também o são, mas com a falta de concorrência. Já que citaram carros acima, já imaginaram se não mais existisse o mecânico independente e só pudéssemos levar nossos carros em autorizadas e, pior, em uma só autorizada? Essa a situação atual no mundo da relojoaria... Eu enviei há dois meses três relógios meus para revisão e rezei para que não precisasse de troca de peças, porque senão o independente, e falo quem foi, a Carpinobilis, simplesmente não teria como obte las. E de modo algum foi algo barato, sob qualquer aspecto que se olhe: paguei quase 2500 reais na revisão de três relógios, muito embora isso certamente custasse o dobro em autorizada. Há colegas meus que dizem que as pessoas que reclamam de revisões de 10 mil reais em um audemars de 100, ou uma BMW de 100, são pobres de espírito, não deveriam então ter comprado algo caro que não podem manter. A questão não é essa. A questão é querer fazer caixa e cobrar em reparo por peças que custam uma merreca para a fábrica, como se na aquisição de peças o consumidor também estivesse tendo uma experiência " de luxo, se me fiz entender. Querem um exemplo da picuinha, e isso para mim não tem nada a ver com "querer pagar barato", mas pagar o justo? Mudei de casa recentemente e a decorei com muita coisa do designer Jader Almeida, quem gosta dessas coisas sabe que é algo... "De luxo". Uma mesinha de apoio me custou uns 1500 reais, algo que, objetivamente falando, se não fosse do designer que é, custaria 150. Paguei sem reclamar. E eis que uma semana depois a mesinha caiu ao chão, trincou a ponta em madeira, e eu entrei em contato com os caras, mandando foto etc. Não bastasse a aporrinhação, pois queriam que a loja enviasse a mesa inteira para Santa Catarina, quando bastaria remeter o tampo, uma peça de madeira de 20 centímetros de comprimento para casa, disseram que eu teria que custear remessa. Lá pelas tantas a loja autorizada assumiu isso e veio a conta pelo novo tampo, uma peça usinada em CNC de madeira de 20 cm: 850 reais. Ora, eu até acho razoável pagar "marca" na compra, mas na substituição de peça quebrada? Argumentei que o custo de produção de um troço desses não devia passar de 50 reais e que não era a hora, assistência técnica, de vender o luxo da marca, isso ocorrera na compra do produto em uma loja chique. Abaixaram para 650. Mandei um marceneiro reparar por 200...

Flávio

Enviado de meu ASUS_Z01KD usando o Tapatalk


Online CSM

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 4.574
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #52 Online: 22 Outubro 2019 às 11:28:08 »
Tubo de cerâmica nos braceletes Rolex feitos em metal precioso
Fonte: tópico do Rolex fórum


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

interessante, deve ser por causa do atrito do parafuso de aço nos metais preciosos não?

abraços
Membro do RedBarBrazil

Offline ejr888

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.030
  • EJR888
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #53 Online: 22 Outubro 2019 às 11:31:58 »
Minha vida vasculhada com sucesso!  ;D ;D ;D

Adriano

Bom dia.

Sei que não irá representar um perigo.
Mas achei bizarro no mínimo.

Se inteirar pelo FRM tudo bem. Mas a dose de fanatismo na minha humilde opinião foi longe.

Offline FPiccinin

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.628
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #54 Online: 22 Outubro 2019 às 11:53:05 »
Flavio, vamos fazer uma conta e saber quem de fato ganhou dinheiro com o tampo de madeira:
Sollos
Preço bruto R$650,00
ICMS(12%) R$ 78,00
IPI R$ 30,95
Piscofins R$ 57,26
(-) Impostos R$ 166,21
Preço liquido R$ 483,79
Esse valor acima tem que pagar a madeira, pintura, o operador da maquina, a máquina, a embalagem, o frete, os royalties ao design e obviamente o lucro.

E o marceneiro que se emitiu uma NF pagou 6% (R$ 12,00) usou um tubo de cola para resolver o problema.
Quem realmente ganhou dinheiro?

Sobre esse casos de manutenção e eu sempre me meto nesse tema pois fico impressionado com a nossa capacidade de relativização.

O colega que deu origem ao post escreveu algo me deixou espantado.

"Liguei para o médico do home care, e ele disse que poderia ser um AIT (Ataque Isquêmico Transitório)! Ou outro evento, mas como o atendimento não havia sido prestado nas primeiras horas...
Busquei no Google, fiquei preocupado."

Pergunto: Se o medico tivesse dito ao telefone algo como: -Fique tranquilo, pode cera nos ouvidos.
E na pratica se fosse uma AIT. O medico seria irresponsável ?

Se a atendente tivesse dito ao telefone: - Fique tranquilo, deve ser uma revisão básica.
E na pratica o relógio necessitasse de uma grande intervenção. A atendente seria uma irresponsável ?

Entendo quando o Flávio fala o monopólio das peças para as AT´s da marca, mas não ponderamos que isso não tem somente um caráter financeiro, haja visto que quando haviam peças disponíveis o serviço paralelo não era melhor que o de hoje. Qual o motivo ?

Acho inconveniente esse tipo de papo e extremamente deselegante com um cara que além de uma baita técnico e uma pessoa sempre disponível em nos ajudar. Adriano você é um Santo!!!!!!

Simples, acha caro. Não faz !




Offline dr.alexneuro

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.860
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #55 Online: 22 Outubro 2019 às 12:06:22 »
interessante, deve ser por causa do atrito do parafuso de aço nos metais preciosos não?

abraços
Cesao.. no tópico do TRF q colei acima fala-se que estes parafusos dos braceletes em metal precioso são de WG.. com certeza o motivo eh atrito.. mas o parafuso não eh SS, pelo menos eh o q dizem


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

Offline FPiccinin

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 1.628
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #56 Online: 22 Outubro 2019 às 12:34:09 »
Cesao.. no tópico do TRF q colei acima fala-se que estes parafusos dos braceletes em metal precioso são de WG.. com certeza o motivo eh atrito.. mas o parafuso não eh SS, pelo menos eh o q dizem


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk Pro

Dr, eu chutaria que é pela maior resistência a corrosão.

Offline FALCO

  • Moderador Global
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 2.438
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #57 Online: 22 Outubro 2019 às 12:56:55 »
...
Inclusive alguns modelos novos da Rolex estão vindo com cerâmica dentro dos furos do pino pra melhorar o quesito segurança (pelo menos eu acho..) vou procurar fotos e postar...

Alguns raríssimos modelos tem uma bucha de cerâmica. Em um dos primeiros RB, feito na Rolex, o representante nos fez uma apresentação sobre esta solução. A função é proteger os parafusos do atrito (desgaste) que ocorre pela dificuldade de limpeza pelo usuários destas partes, problema comum no passado da marca.
A intenção é que isto se espalhe para a linha.
FRM: contra argumentos, não há fatos !!!

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.494
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #58 Online: 22 Outubro 2019 às 14:56:06 »
Flavio, vamos fazer uma conta e saber quem de fato ganhou dinheiro com o tampo de madeira:
Sollos
Preço bruto R$650,00
ICMS(12%) R$ 78,00
IPI R$ 30,95
Piscofins R$ 57,26
(-) Impostos R$ 166,21
Preço liquido R$ 483,79
Esse valor acima tem que pagar a madeira, pintura, o operador da maquina, a máquina, a embalagem, o frete, os royalties ao design e obviamente o lucro.

E o marceneiro que se emitiu uma NF pagou 6% (R$ 12,00) usou um tubo de cola para resolver o problema.
Quem realmente ganhou dinheiro?

Sobre esse casos de manutenção e eu sempre me meto nesse tema pois fico impressionado com a nossa capacidade de relativização.

O colega que deu origem ao post escreveu algo me deixou espantado.

"Liguei para o médico do home care, e ele disse que poderia ser um AIT (Ataque Isquêmico Transitório)! Ou outro evento, mas como o atendimento não havia sido prestado nas primeiras horas...
Busquei no Google, fiquei preocupado."

Pergunto: Se o medico tivesse dito ao telefone algo como: -Fique tranquilo, pode cera nos ouvidos.
E na pratica se fosse uma AIT. O medico seria irresponsável ?

Se a atendente tivesse dito ao telefone: - Fique tranquilo, deve ser uma revisão básica.
E na pratica o relógio necessitasse de uma grande intervenção. A atendente seria uma irresponsável ?

Entendo quando o Flávio fala o monopólio das peças para as AT´s da marca, mas não ponderamos que isso não tem somente um caráter financeiro, haja visto que quando haviam peças disponíveis o serviço paralelo não era melhor que o de hoje. Qual o motivo ?

Acho inconveniente esse tipo de papo e extremamente deselegante com um cara que além de uma baita técnico e uma pessoa sempre disponível em nos ajudar. Adriano você é um Santo!!!!!!

Simples, acha caro. Não faz !



Flávio, se a peça inteira, com base metálica e tudo, me custou 1500 reais na loja, já incluído aí o lucro e, sobretudo, efeito "Jader", e isso sim eu acredito seja a maior parcela do preço, causou-me espanto que o simples tampo de madeira, em reposição, custasse mais do que 60% do produto... Eu DUVIDO que a peça inteira, somados todos os custos de produção, remessa, etc, etc, etc, mas subtraído o "Jader Effect", custe mais do que uns 200 reais. Duvido! A peça inteira. E, como disse, eu não me importei de pagar 90% do seu custo pelo "Jader Effect". Mas eu sinceramente não estava, como não estou, disposto a pagar "marca" em um reparo, até mesmo porque - mas isso é um raciocínio meu, só meu - , a "experiência do luxo", com seu cafezinho, atendimento em loja com almofadinhas educados e toda pompa, ocorreu lá atrás. Eu sei que manutenção é uma fonte de receita enorme para qualquer marca, de qualquer coisa, mas você não quer que eu ache justo que os preços de luxo também se reflitam no pós venda, não é? Como disse, a opinião é minha...


Flávio
« Última modificação: 22 Outubro 2019 às 15:16:31 por flávio »

Offline Dicbetts

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 2.022
    • Ver perfil
Re:Apresentação e algumas perguntas sobre preços e o que é realizado em revisões
« Resposta #59 Online: 22 Outubro 2019 às 15:03:07 »
Flavio, vamos fazer uma conta e saber quem de fato ganhou dinheiro com o tampo de madeira:
Sollos
Preço bruto R$650,00
ICMS(12%) R$ 78,00
IPI R$ 30,95
Piscofins R$ 57,26
(-) Impostos R$ 166,21
Preço liquido R$ 483,79
Esse valor acima tem que pagar a madeira, pintura, o operador da maquina, a máquina, a embalagem, o frete, os royalties ao design e obviamente o lucro.

E o marceneiro que se emitiu uma NF pagou 6% (R$ 12,00) usou um tubo de cola para resolver o problema.
Quem realmente ganhou dinheiro?

Sobre esse casos de manutenção e eu sempre me meto nesse tema pois fico impressionado com a nossa capacidade de relativização.

O colega que deu origem ao post escreveu algo me deixou espantado.

"Liguei para o médico do home care, e ele disse que poderia ser um AIT (Ataque Isquêmico Transitório)! Ou outro evento, mas como o atendimento não havia sido prestado nas primeiras horas...
Busquei no Google, fiquei preocupado."

Pergunto: Se o medico tivesse dito ao telefone algo como: -Fique tranquilo, pode cera nos ouvidos.
E na pratica se fosse uma AIT. O medico seria irresponsável ?

Se a atendente tivesse dito ao telefone: - Fique tranquilo, deve ser uma revisão básica.
E na pratica o relógio necessitasse de uma grande intervenção. A atendente seria uma irresponsável ?

Entendo quando o Flávio fala o monopólio das peças para as AT´s da marca, mas não ponderamos que isso não tem somente um caráter financeiro, haja visto que quando haviam peças disponíveis o serviço paralelo não era melhor que o de hoje. Qual o motivo ?

Acho inconveniente esse tipo de papo e extremamente deselegante com um cara que além de uma baita técnico e uma pessoa sempre disponível em nos ajudar. Adriano você é um Santo!!!!!!

Simples, acha caro. Não faz !

Concordo com tudo!

Dic