Autor Tópico: Manuais Rolex verdadeiros vs falsos  (Lida 304 vezes)

Offline flávio

  • Administrador
  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 8.596
    • Ver perfil
Manuais Rolex verdadeiros vs falsos
« Online: 21 Janeiro 2020 às 15:31:18 »
Existe mercado para isso e, assim como os relógios, cobram fortunas por esses manuais e brochuras antigas. A olho nu, como o articulista aí ressalta, tudo parece ok. Porém, ao colocá-los sob a lupa, os falsos sempre mostram pixelização. Ou seja, a dica é nunca comprar algo do tipo sem analisar com lupa.

https://www.watchprosite.com/rolex/vintage-rolex-booklets--spotting-the-fakes/732.993983.6979808/

Online igorschutz

  • Membro de honra
  • *****
  • Mensagens: 7.689
  • Santo Anjo do Senhor de piroquinha
    • Ver perfil
    • http://igorschutz.blogspot.com/
Re:Manuais Rolex verdadeiros vs falsos
« Resposta #1 Online: 21 Janeiro 2020 às 20:03:03 »
A dica é: nunca compre essa m****!

Se teu relógio tem, legal. Se não tem, legal também.

O que vale é o que vai para o pulso. O que fica no armário não interessa.
Opinião é como bunda: todos têm a sua. Você dá se quiser.
Opinião é como bunda: você dá a sua e eu meto o pau.

NÃO ACREDITE NO QUE 'FALAM' AQUI, ESTUDE BEM E TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Offline raulfragoso

  • Membro Sênior
  • ****
  • Mensagens: 394
    • Ver perfil
Re:Manuais Rolex verdadeiros vs falsos
« Resposta #2 Online: 22 Janeiro 2020 às 05:59:42 »
Particularmente eu jamais teria interesse (ou colhões) em me aventurar com relógios vintage, e ainda menos com esse tipo de memorábilia, mas algo que eu aprendi colecionando canetas tinteiro e acho que vale para qualquer tipo de colecionismo: "buy the seller, not the product".
"It's easy to make something complicated, but much less easy to make it simple." - François-Paul Journe

Offline El Wray

  • Membro ativo
  • **
  • Mensagens: 50
    • Ver perfil
Re:Manuais Rolex verdadeiros vs falsos
« Resposta #3 Online: 22 Janeiro 2020 às 22:15:52 »
Particularmente eu jamais teria interesse (ou colhões) em me aventurar com relógios vintage, e ainda menos com esse tipo de memorábilia, mas algo que eu aprendi colecionando canetas tinteiro e acho que vale para qualquer tipo de colecionismo: "buy the seller, not the product".

Disse tudo! Também conheço e concordo totalmente com essa frase. :)